Mas um cigarrinho só, faz mal?

Mas doutor, eu só fumo um ou dois cigarrinhos por dia, não faz mal, né?



Tantas e tantas vezes já ouvi essa frase, essa pergunta e sempre é difícil de quem fuma conseguir entender que SIM, faz mal SIM!


Um novo estudo reforça que a única maneira de reduzir o risco é cessar completamente o tabagismo. Fumar um único cigarro por dia seria associado a cerca de 5% do excesso de risco relativo de fumar 20 cigarros ao dia, representa 46% do excesso de risco de doença cardíaca coronariana (DCC) em homens e 31% do risco em mulheres. E para o acidente vascular cerebral (AVC), o excesso de risco associado a apenas um cigarro por dia foi de 41% para homens e de 34% para mulheres.


Estudo esse publicado on-line recentemente no British Medical Journal.


Em comparação com o fato de nunca fumar, fumar um cigarro ao dia foi associado a um aumento de 48% no risco de DCC para homens em todos os estudos e um aumento de 74% em estudos que controlaram para múltiplos fatores de confusão.


Para as mulheres, fumar um cigarro ao dia estava associado a um aumento de risco de DCC de 57%.


Além disso, estimou-se que fumar 20 cigarros ao dia aumenta o risco de DCC em homens de 104% e nas mulheres de incríveis 184%.


Mulheres: Cuidado!


Ainda não se sabe ao certo o real motivo do porquê as mulheres são mais propensas.


A boa notícia é que após a cessação do tabagismo, muito do risco de desenvolver doenças cardiovasculares desaparece, diferentemente do câncer, no qual são necessários vários anos para o risco reduzir o mesmo risco.



0 comentário