Coração Partido, é possível doer o coração?

É possível sofrer por um coração partido?

É possível doer o coração após uma desilusão amorosa ou uma decepção?

SIM ! A síndrome do coração partido existe, e já foi descrita várias vezes em literatura.

Conhecida como doença de Takotsubo, ou síndrome do coração partido, é uma cardiomiopatia temporária, geralmente causada por estresse, sem haver lesões nas artérias coronárias.

Em sua grande maioria, desencadeada por uma emoção negativa muito forte, como término de um relacionamento importante, perda de um familiar próximo, problemas financeiros, acidentes, etc.) O maior culpado por esse distúrbio acredita-se que seja um excesso de adrenalina, nessas situações.

E como identificar?

Geralmente os mais clássicos são: dor torácica, alterações no ECG (eletrocardiograma), com até mesmo alterações nas enzimas cardíacas, com até certo grau de comprometimento da função cardíaca, porém sem sinais de obstrução das artérias do coração.

Pelo fato de encontrarmos alteração no eletro e nas enzimas cardíacas, muitas vezes o cateterismo é indicado, apresentando um resultado normal.

Tudo isso pode parecer meio confuso, por isso a necessidade de um cardiologista para fazer o diagnóstico.

As mulheres são mais acometidas, e principalmente aquelas que já entraram na menopausa e hipertensas.

A síndrome provavelmente é responsável por 1-2% dos casos de suspeita de IAM (infarto do miocárdio)

Em geral tem boa evolução, dura pouco tempo e com cura em quase 100% dos casos sem sequelas.

Faça seu check-up anualmente!

Cuide de quem bate por você

Leve seu coração ao CARDIOLOGISTA

Ligue e agende ainda hoje sua consulta!

fone: 11 2645-3445

Mande seu e-mail com sua dúvida que terei o maior prazer em esclarecer.

Gostou do artigo? Curta, compartilhe com os amigos e familiares!

síndrome do coração partido

#doençadetakotsubo #síndromedocoraçãopartido #insuficienciacoronariana #dortorácica #drgiuliocesare #falandodecoração

Posts Em Destaque
Posts Recentes